Nisto Cremos

DECLARAÇÃO DE FÉ DA IGREJA EVANGÉLICA PENTECOSTAL FONTE DA VIDA

  1. ESCRITURAS SAGRADAS Cremos que toda a Escritura Sagrada é divinamente inspirada, escrita por santos homens do passado, movidos pelo Espírito Santo e por Ele inspirados; que a mensagem central nela contida é Jesus Cristo, apresentado por Deus ao homem como caminho único para a salvação da sua alma. 2° Pedro 1:21, Êxodo 20:1, 2°Timóteo 3:16, Atos 1:16, 1°Tessalonicenses 2:13, 1° Coríntios 2:11 e 14, 2° Samuel 23:2.
  2. A DIVINDADE ETERNA Cremos que há um só Deus, vivo e verdadeiro eterno e de infinito poder, criador de todas as coisas, o Alfa e o Ômega, que sempre foi, é e será pelos tempos sem fim, em cujas unidades há três pessoas distintas – Pai, Filho e Espírito Santo, tendo a mesma natureza, os mesmos atributos e a mesma perfeição.
    João 10:30, Gálatas 4:6, Atos 2:17-18, Gêneses 1:26, Gêneses 3:22, Isaias 6:8, Mateus 3:16-17, Mateus 28:19, João 14:6 2°Coríntios 13:13.
  3. A QUEDA DO HOMEM Cremos que o homem foi criado a imagem e a semelhança de Deus, para o servir, adorar e permanecer em eterna comunhão com Ele, mas pela sua desobediência voluntária perdeu por completo a sua vitalidade espiritual, ficando morto em delitos e pecados e sujeito ao poder de satanás; que com a queda do primeiro homem, toda a raça humana foi destituída da glória de Deus, ficando por conseguinte sujeita ao salário do pecado, que é a morte. Gêneses 1:27, Romanos 5:12, Romanos 5:19, Romanos 3:23, Romanos 6:23, Salmos 51:5, Romanos 3:10.
  4. O PLANO DA REDENÇÃO Cremos que Jesus Cristo se tornou o substituto do pecador perante Deus, morrendo como sacrifício propiciatório pelo pecado de toda humanidade, espontaneamente e por designação de Deus Pai, levando seus pecados, pagando inteiramente suas faltas e como Seu precioso sangue, assinando o perdão de todos aqueles que Nele haveria de crer. Isaias 53:5, 2°Coríntios 5:21, João 1:29, Hebreus 9:28, 1°Pedro 2:24, 1°Pedro 3:18, Colossenses 2:14, 1°Coríntios 15:1e 3, Isaias 1:18.
  5. RESSUREIÇÃO DE CRISTO Cremos que o Senhor Jesus Cristo, após ter sido crucificado e morto, ressuscitou corporalmente ao 3° dia, sendo assunto aos céus onde se encontra assentado à dextra do Deus Pai Todo Poderoso, intercedendo por todos aqueles que Nele crêem. Atos 10:40,41; Atos 3:15; Hebreus 1:3; 1°Pedro 3:21,22; Romanos 8:34; Romanos 4:25; 1°Coríntios 15:3,4.
  6. O PLANO DA SALVAÇÃO
    Cremos que a salvação dos pecadores é unicamente pela graça de Deus, revelada pelo sacrifício de Cristo Jesus na cruz do calvário, mediante a aceitação pela fé; que desde o momento do verdadeiro arrependimento e aceitação de Cristo como salvador, passamos da morte para a vida, tornando-nos filhos de Deus, co-herdeiros de Cristo, livres de qualquer condenação. Romanos 8:1, Romanos 8:17, Efésios 2:8, João 6:47, Efésios 2:13, Romanos 8:23, João 1:12.
  7. O NOVO NACIMENTO
    Cremos que após sua conversão a Cristo Jesus, o pecador é então nascido de novo, de modo que as coisas velhas ficam para trás e tudo se faz novo, passando então a viver uma vida de santificação e pureza,de maneira tal que o seu desejo se torna agora, confessar e servir ao Mestre buscando as coisas lá do alto. João 3:3 à 7, 2°Coríntios 5:17, Gálatas 2:20.
  8. O BATISMO NAS ÁGUAS Cremos que o batismo nas águas deve ser realizado por imersão, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, em obediência à Palavra de Deus, simbolizando a morte para o pecado e uma consequente ressureição para uma nova vida em Cristo Jesus. Mateus 28:19, Romanos 6:4, Colossenses 2:12.
  9. O BATISMO DO ESPÍRITO SANTO Cremos no batismo do Espírito Santo, com evidência de novas línguas, conforme o Espírito Santo concede que se fale, em cumprimento à promessa de Jesus a respeito do outro Consolador, em poderosa plenitude, a fim de revestir o crente com o poder do alto; e de promover o espírito de oração, santificação, sobriedade, para capacitar o crente e a igreja a ganhar almas de maneira pratica, eficiente e plenamente capaz.
    João14:16,17, Atos 1:8, João 16:7, Atos 2:4, Joel 2:28.
  10. SANTA CEIA Cremos na celebração e observação da Ceia do Senhor pelo uso do pão partido, simbolizando o corpo de Jesus Cristo que por nós foi crucificado e do suco da videira, simbolizando o Seu precioso sangue que por nós foi derramado, sendo ministrada apenas aos salvos, independente da denominação evangélica e desde que em comunhão com sua igreja. 1 Coríntios 11:23 a 33, Lucas 22:19,20.
  11. CONDUTA CRISTÃ Cremos que a vida do crente deve ser integralmente baseada nos ensinamentos da Palavra de Deus, lâmpada eficaz para iluminação do seu caminho, não se deixando levar a extremos, fanatismos, mistificações, costumes, manifestações escandalosas, calúnias, murmurações, comercialização da fé religiosa e outros procedimentos contrários aos preceitos bíblicos. Salmos 119:105, Filipenses: 4:5, Efésios 4:14, 15, 1 Coríntios 13:4 à 7, Colossenses 3:12, 13.
  12. CURA DIVINA Cremos que a cura Divina é a manifestação do poder do Senhor Jesus Cristo para curar os enfermos e necessitados, em resposta à oração sincera, sempre mediante a fé; que o Senhor Jesus é o mesmo ontem, hoje e eternamente, sendo portanto um auxílio suficiente na hora de angústia e dor, plenamente capaz de satisfazer as necessidades do corpo e da alma. Hebreus 13:8, 1 Pedro 2:24, Mateus 8:17, Marcos 16:18 Tiago 5:15, Isaias 53: 4, 5, Atos 14:9.
  13. A SEGUNDA VINDA DE CRISTO Cremos que o Senhor Jesus Cristo,antes do milênio e em hora que ninguém sabe antecipadamente, descerá do céu com alarido, com voz de arcanjo e com trombeta de Deus e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro, depois nós os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares e assim estaremos sempre comoSenhor. 1° Tessalonicenses 4:16, 17, Apocalipse 20:6, Mateus 24: 36, 42, 44, Hebreus 9:28, Lucas 12:35 a 37, Tito 2: 12,13.
  14. A VINDA APÓS A MORTE Cremos que alma e espírito do salvo em Cristo Jesus entram imediatamente, por ocasião da morte física, na presença do Senhor (paraíso), ali permanecendo felizes e conscientes até a ressurreição do corpo na Sua vinda, quando corpo, alma e espírito reunidos irão ficar para sempre com Ele em glória; que a alma e espírito daquele que se perdeu permanecem depois da morte, no sofrimento (Hades) até o juízo final do grande trono branco, quando corpo,alma e espírito reunidos na ressureição serão lançados no lago de fogo e enxofre que é a segunda morte, banidos da face do Senhor e da glória do Seu poder Lucas 23: 43, Lucas 16:23 à 31, Hebreus 9:27.
  15. O JUÍZO FINAL Cremos que os mortos, grandes e pequenos, humildes e poderosos, que não participaram da primeira ressurreição, serão ressuscitado e comparecerão perante otrono de Deus e ali serão julgados pelas coisas que estiverem escritas no Livro da Vida, sendo então os ímpios lançados no lago de fogo, o inferno e os justos à vida eterna com o Criador, o céu. Apocalipse 20:7 à 15, Mateus 13:41 à 43.
  16. O CÉU Cremos que o céu é a indescritível, gloriosa, e eterna habitação do Deus vivo, criador de todas as coisas e o Senhor Jesus Cristo foi para lá a fim de preparar um lugar para os seus filhos, redimidos pelo Seu precioso sangue; que neste lugar infinito os salvos,herdeiros de Deus e co-herdeiros de Cristo, em gozo indescritível contemplarão para todo o sempre a face maravilhosa do Senhor, num reino eterno onde não haverá tristeza, nem lágrimas, nem dor, nem morte, nem trevas,nem fome e louvarão com cânticos àquele que se assenta no trono e ao Cordeiro. Apocalipse 7:15 à 17, Apocalipse 21:4, Apocalipse 22:5, João 14:2, 1° Coríntios 2:9, Mateus25:34.
  17. INFERNO Cremos que o inferno é um lugar preparado para o diabo e seus anjos, de trevas exteriores e da mais profunda tristeza, onde não morre o verme e o fogo não se apaga, onde haverá choro e ranger de dentes, lugar de amargura, sofrimento e arrependimento eterno; que para este lugar de amargura, em um lago que queima com fogo e enxofre, serão lançados todos os descrentes que rejeitarão o grande amor de Deus, desprezando o sacrifício do Senhor Jesus Cristo na Cruz do Calvário, escolhendo, apesar de toda instância e advertência do Espírito Santo, a morte em vez da vida. Mateus 13:41, 42, Apocalipse 20;10 e 15, Apocalipse 14:10, 11, Mateus 25:41, Marcos 9:43,44.
  18. DIZIMOS E OFERTAS Cremos que o dizimo é o modo estabelecido por Deus para promover a propagação do evangelho e manter Seu ministério, não só quando às necessidades materiais e financeiras da Sua Igreja, mas para elevar a moral espiritual do Seu povo, de tal maneira que haja por força abençoá-los; é mandamento com promessa que permite se faça prova de Deus, para a benção. Cremos ainda que as ofertas são ordenadas pelo Senhor como parte do Seu plano para atender ás necessidades materiais da igreja e satisfazer á espiritualidade do Seu povo, devendo, todavia ser voluntária e dadas com alegria. Lucas 6:38, 2°Coríntios 9:7, Malaquias 3:8-11, 2°Crônicas 31:10, Deuteronômio 14:22, 23, Mateus 23:23.